Editais Abertos Agências de Fomento

Agências de Fomento à Pesquisa

As agências de fomento têm como objeto social a concessão de financiamento de capital fixo e de giro associado a projetos na Unidade da Federação onde tenham sede”. Geralmente são órgãos governamentais que financiam as pesquisas cientificas e tecnológicas, que visam o desenvolvimento do país (através de auxílios para compra de equipamentos e material de consumo, ou bolsas para alunos em diversos níveis de formação).

FAPEMA

A Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (FAPEMA), vinculada à Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), foi instituída pela Lei Complementar n° 060, de 31 de janeiro de 2003. Seu objetivo é promover o desenvolvimento humano por meio de pesquisa cientifica e de inovação tecnológica, atendendo as demandas do setor produtivo e da sociedade em geral.

Por meio de sua atuação a fundação contribui para a formação e fixação de talentos humanos, com ações que resultem no fortalecimento da ciência e de suas aplicações, em todos os níveis do conhecimento.

CAPES

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), fundação do Ministério da Educação (MEC), desempenha papel fundamental na expansão e consolidação da pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado) em todos os estados da Federação.

As atividades da Capes podem ser agrupadas nas seguintes linhas de ação, cada qual desenvolvida por um conjunto estruturado de programas:

- avaliação da pós-graduação stricto sensu;

- acesso e divulgação da produção científica;

- investimentos na formação de recursos de alto nível no país e exterior;

- promoção da cooperação científica internacional;

- indução e fomento da formação inicial e continuada de professores para a educação básica nos formatos presencial e a distância.

CNPQ

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), agência do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), tem como principais atribuições fomentar a pesquisa científica e tecnológica e incentivar a formação de pesquisadores brasileiros.

Criado em 1951, desempenha papel primordial na formulação e condução das políticas de ciência, tecnologia e inovação. Sua atuação contribui para o desenvolvimento nacional e o reconhecimento das instituições de pesquisa e pesquisadores brasileiros pela comunidade científica internacional.

Finep

A Financiadora de Estudos e Projetos, é uma empresa pública brasileira de fomento à ciência, tecnologia e inovação em empresas, universidades, institutos tecnológicos e outras instituições públicas ou privadas.

A Finep concede recursos reembolsáveis e não-reembolsáveis a instituições de pesquisa e empresas brasileiras. O apoio da Finep abrange todas as etapas e dimensões do ciclo de desenvolvimento científico e tecnológico: pesquisa básica, pesquisa aplicada, inovações e desenvolvimento de produtos, serviços e processos. A Finep apoia, ainda, a incubação de empresas de base tecnológica, a implantação de parques tecnológicos, a estruturação e consolidação dos processos de pesquisa, o desenvolvimento e a inovação em empresas já estabelecidas, e o desenvolvimento de mercados. Além disso, a partir de 2012 a Finep também passou a oferecer apoio para a implementação de uma primeira unidade industrial e também incorporações, fusões e joint ventures.

Cabe ressaltar que a atuação da Finep é alinhada com os conceitos estabelecidos pelo Manual de Oslo, referência internacional para o tema inovação e elaborado pela OCDE.

Missão: Promover o desenvolvimento econômico e social do Brasil por meio do fomento público à Ciência, Tecnologia e Inovação em empresas, universidades, institutos tecnológicos e outras instituições públicas ou privadas.

Visão: Transformar o Brasil por meio da inovação.

Perfil de Atuação: Atuar em toda a cadeia da inovação, com foco em ações estratégicas, estruturantes e de impacto para o desenvolvimento sustentável do Brasil.


Editais abertos:

FAPEMA

Edital FAPEMA/CNPq nº 11/2022 – Programa de Desenvolvimento Científico e Tecnológico Regional – PDCRT
Até 01/07/2022
PÚBLICO-ALVO 3.1 Pesquisador(a) com título de Doutor(a) oriundos de outras regiões, atraídos para instituições ou empresas, públicas ou privadas, de ensino superior e/ou de pesquisa científica, tecnológica ou de inovação, sem vínculo empregatício, em atendimento às vertentes previstas neste edital.
www.fapema.br

 


Edital FAPEMA/EMAP nº 09/2022 – PRÊMIO PORTO DO ITAQUI

PÚBLICO-ALVO
3.1 Estudantes e egressos(as) do ensino médio e/ou técnico, graduação, mestrado e doutorado de Instituições de Ensino sediadas no Maranhão, públicas ou privadas sem fins lucrativos.

3.2 Professores(as) pesquisadores(as) doutores(as) de Instituições de Ensino Superior sediadas no estado, públicas ou privadas sem fins lucrativos.

3.3 Profissionais graduados(as) em Comunicação Social e pesquisadores(as), inventores(as) e/ou detentores(as) de inventos protegidos no Maranhão

Até 12/08/2022
ATIVIDADES: DATAS: Data limite para submissão on-line: Até o dia 12/08/2022: Enquadramento: Divulgação do Resultado Parcial do Enquadramento: A partir de 02/09/2022: Período de recurso: 05 dias após divulgação do
www.fapema.br

Edital FAPEMA Nº 04/2022 – APOIO À REALIZAÇÃO DE EVENTOS CIENTÍFICOS, TECNOLÓGICOS E DE INOVAÇÃO

PÚBLICO-ALVO: Pesquisadores vinculados à Instituições de Ensino Médio, Técnico, Tecnológico, Superior e/ou de Pesquisa, públicas ou privadas sem fins lucrativos, sediadas no Maranhão.

Edital FAPEMA N.º 04/2022

 

ATIVIDADES 1ª CHAMADA 2ª CHAMADA
Período do Evento 01/07 a 30/12/2022 01/01 a 30/06/2023
Período de Inscrição 21/02 a 01/04/2022 08/06 a 22/07/2023

 


cnpqlogo
CNPq
Chamada CNPq/MCTI/FNDCT nº 05/2022 – Semana Nacional de Ciência e Tecnologia
Até 04/07/2022

Chamada CNPq nº 10/2022 – Bolsa de Produtividade Sênior – PQ-Sr

Até 14/07/2022
Chamada CNPq nº 08/2022 – Bolsa de Produtividade em Desenvolvimento Tecnológico e Extensão Inovadora – DT
Até 07/07/2022
Chamada CNPq nº 10/2022 – Bolsa de Produtividade em Pesquisa – PQ
Até 07/07/2022
Chamada CNPq/SESCOOP nº11/2022 -Pesquisa em Cooperativismo
Até 17/06/2022
Você está aqui: CNPq /; Assuntos /; Bolsas e Auxílios /; Chamadas /; Chamadas públicas/; MENU
memoria2.cnpq.br

Chamada CNPq/SESCOOP Nº 11/2022 – Pesquisa em Cooperativismo
Apoiar projetos de pesquisa que visem contribuir significativamente para o desenvolvimento científico e tecnológico e a inovação do País, na área de cooperativismo.
Até 17/06/2022

logo_capes

 

 

 


CAPES
Programa CAPES/CLIMAT-AMSUD

O programa regional CLIMAT-AMSUD é uma iniciativa da cooperação francesa e de seus parceiros na Argentina, Bolívia, Brasil, Colômbia, Chile, Paraguai, Peru e Uruguai. Seu objetivo é promover e reforçar a colaboração e a criação de redes de pesquisa e de desenvolvimento, e de financiar projetos de pesquisa ligados à variação e à mudança climática, por meio da execução de projetos de pesquisa conjuntos. Os projetos aprovados têm uma duração de dois anos e envolvem pelo menos dois países da região sul-americana e um ou mais equipe(s) de cientistas franceses.

Tipo de programa

Projetos Conjuntos de Pesquisa

Objetivo específicos

  • Desenvolver a colaboração na área de variação e à mudança climática, por meio do intercâmbio de pesquisadores, estudantes de doutorados e de conhecimentos entre os países da América do Sul envolvidos e a França
  • Apoiar projetos de pesquisa básica e aplicada contendo um potencial de transferência de inovação e tecnologia, com uma escala regional, entre a França e, pelo menos, dois parceiros sul-americanos
  • Encorajar sinergias na América do Sul com as instituições e outros programas regionais e multilaterais neste setor
  • Incentivar a participação dos jovens pesquisadores e assegurar a continuidade das redes
Até 01/06/2022
Aviso! A Pandemia do Coronavírus-19 continua a impactar e alterar a vida das sociedades , nomeadamente a vida acadêmica (universidades) e o ensino superior.
www.gov.br

PROGRAMA CAPES/DAAD – PROBRAL

Tipo de programa

Projetos conjuntos de pesquisa

Objetivos

Apoiar e fomentar o intercâmbio científico entre grupos de pesquisa brasileiros e alemães. Prevê a concessão de recursos para a realização de missões de trabalho e aquisição de material de consumo para os projetos, bem como o financiamento de bolsas de doutorado sanduíche e pós-doutorado na Alemanha.

Até 31/05/2022
O programa PROBRAL apoia projetos conjuntos de pesquisa desenvolvidos por grupos brasileiros e alemães vinculados a Instituições de Ensino Superior e/ou Pesquisa.
www.gov.br

PROGRAMA CAPES/STIC-AMSUD

CAPES/STIC-AMSUD é um programa de cooperação regional em ciência e tecnologia em que França, Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela participam. O objetivo do programa é implementar projetos conjuntos, a fim de promover e fortalecer a colaboração e a criação de redes de investigação e desenvolvimento no domínio das tecnologias de informação e comunicação (TIC). Os projetos aprovados têm uma duração de dois anos e envolvem pelo menos dois países da região sul-americana e uma ou mais equipe(s) de cientistas franceses.

Tipo de programa

Projetos Conjuntos de Pesquisa

Objetivo específicos

  •  Desenvolver a colaboração no campo das TICs, por meio do intercâmbio de pesquisadores, estudantes de doutorados e de conhecimentos entre os países da América do Sul envolvidos e a França.
  •  Apoiar projetos de pesquisa básica e aplicada contendo um potencial de transferência de inovação e tecnologia, com uma escala regional, entre a França e, pelo menos, dois parceiros sul-americanos.
  • Encorajar sinergias na América do Sul com as instituições e outros programas regionais e multilaterais neste setor.
  • Incentivar a participação dos jovens pesquisadores e assegurar a continuidade das redes.
Até 17/05/2022
Publicação na WEB Nome do documento; 02/12/2020: Resultado final do Edital nº 06/2020 – Programa STIC-AmSud/CAPES, formato, pdf – 130kb 21/05/2020: Lista de inscritos do edital nº 06/2020 – Programa STIC-AmSud/CAPES – formato, pdf, 354kb
www.gov.br

PROGRAMA CAPES/MATH-AMSUD

CAPES/MATH-AMSUD é um programa de cooperação regional em ciência e tecnologia em que França, Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela participam. O objetivo do programa é implementar projetos conjuntos, a fim de promover e fortalecer a colaboração e a criação de redes de investigação e desenvolvimento no campo da matemática. Os projetos aprovados têm uma duração de dois anos e envolvem pelo menos dois países da região sul-americana e um ou mais equipe(s) de cientistas franceses.

Tipo de programa

Projetos Conjuntos de Pesquisa

Objetivo específicos

  • Desenvolver a colaboração na área de matemática, por meio do intercâmbio de pesquisadores, estudantes de doutorados e de conhecimentos entre os países da América do Sul envolvidos e a França.
  • Apoiar projetos de pesquisa básica e aplicada contendo um potencial de transferência de inovação e tecnologia, com uma escala regional, entre a França e, pelo menos, dois parceiros sul-americanos.
  • Encorajar sinergias na América do Sul com as instituições e outros programas regionais e multilaterais neste setor.
  • Incentivar a participação dos jovens pesquisadores e assegurar a continuidade das redes.
Até 17/05/2022
Publicação na WEB Nome do documento; 02/12/2020: Resultado final do Edital nº 07/2020 – Programa Math-AmSud/CAPES, formato – pdf, 141kb 21/05/2020: Lista inscrições recebidas do Edital nº 07/2020 – Programa Math-AmSud/CAPES – formato, pdf, 362kb
www.gov.br

Programa Bolsas para Pesquisa CAPES/Humboldt

Objetivo

O Programa Bolsas para Pesquisa CAPES/Humboldt é uma iniciativa da CAPES em cooperação com a Fundação Alexander von Humboldt (AvH) da Alemanha com o objetivo de conceder bolsas para pesquisadores altamente qualificados, que possuam vínculo, empregatício ou não, em Instituições de Ensino ou Pesquisa do Brasil em todas as áreas do conhecimento. A parceria visa à internacionalização de forma mais consistente, o aprimoramento da produção e qualificação científicas e o desenvolvimento de métodos e teorias em conjunto com pesquisadores, de reconhecido mérito científico, alemães ou estrangeiros residentes na Alemanha.

Modalidades de bolsas

  • Pós-doutorado: para pesquisador altamente qualificado e em início da carreira acadêmica, que tenha completado seu doutorado há menos de quatro anos;
  • Pesquisador experiente: para acadêmico altamente qualificado com um perfil de pesquisa definido, que tenha completado seu doutorado há menos de doze anos;
 Várias datas
Objetivo. O Programa Bolsas para Pesquisa CAPES/Humboldt é uma iniciativa da CAPES em cooperação com a Fundação Alexander von Humboldt (AvH) da Alemanha com o objetivo de conceder bolsas para pesquisadores altamente qualificados, que possuam vínculo, empregatício ou não, em Instituições de Ensino ou Pesquisa do Brasil em todas as áreas do conhecimento.
www.gov.br


finep logo2